100% ORIENTADOS À COMPUTAÇÃO EM NUVEM
News AWS

AWS NPO Imagine: Entenda o que aconteceu no evento global

npo

 

No quinto evento anual AWS NPO IMAGINE, um evento global com foco em Organizações sem fins de lucro Nonprofit em sua primeira versão online, diversas organizações sem fins lucrativos de todo o mundo compartilharam histórias de como a tecnologia apoiou as missões e ajudou na geração de maior impacto nas comunidades em que servem. O evento anual reúne líderes, tecnólogos e inovadores sem fins lucrativos para discutir como a tecnologia pode ajudar a gerar impacto positivo tanto para as pessoas quanto para o planeta.

Em um ano repleto de desafios, as organizações sem fins lucrativos usaram uma abordagem centrada na tecnologia para mudar rapidamente os recursos e redirecionar seu foco. Dave Levy, vice-presidente do departamento de organizações sem fins lucrativos e do governo dos EUA da AWS, apresentou palestrantes de organizações sem fins lucrativos que compartilharam suas jornadas para resolver grandes desafios e como conseguiram alcançar os resultados desejados. Continue lendo para saber mais sobre o que você perdeu.

Adaptação e transformação para atender às necessidades da comunidade usando ferramentas digitais

“Vários setores estão passando por disrupções nos lugares menos esperados… As organizações estão tendo que se transformar rapidamente para colher os benefícios ou não ficar para trás. A filantropia não é um caso excepcional ou imune a esse desafio”, disse Chris Ticknor, diretor de transformação (CTO) da organização sem fins lucrativos Orange County United Way (OCUW). Chris falou sobre o poder da tecnologia como uma “caixa de ferramentas sem fundo” para ajudar as organizações sem fins lucrativos a cumprirem suas missões.

Por exemplo, após o início da pandemia de COVID-19, a OCUW reconheceu que precisava ajudar sua comunidade diversificada que estava sofrendo financeiramente após a queda do setor de turismo, um grande impulsionador econômico dessa comunidade. A OCUW sempre se concentrou em ajudar a comunidade de moradores de rua, o que é um grande desafio mesmo em tempos normais. Em poucas semanas, usando as ferramentas de nuvem da Amazon Web Services (AWS), a OCUW digitalizou seu processo de entrada manual para aliviar seu call center sobrecarregado e também ajudou os membros da comunidade que estavam prestes a se tornar sem-teto a solicitar e receber assistência financeira rapidamente.

Mudança do comportamento centrado na comunidade e atendimento das necessidades das comunidades mais vulneráveis

A organização sem fins lucrativos Atma Connect acredita no poder das pessoas ajudando umas às outras a construir comunidades resilientes. Meena Palaniappan, fundadora e diretora executiva da Atma Connect, compartilhou a história de sua ferramenta.

O AtmaGo, uma rede social hiperlocal para os vizinhos ajudarem uns aos outros nas comunidades afetadas por desastres, ajuda as pessoas a se tornarem agentes de mudanças em vez de serem simples pontos de dados ou consumidores de dados. O aplicativo evoluiu para atender às necessidades dessas comunidades em todo o mundo, incluindo locais como a Indonésia e Porto Rico.

“As pessoas que vivem em comunidades vulneráveis são inventivas e talentosas. Por meio da nossa abordagem de design humanitária, elas direcionaram o design do AtmaGo para atender às suas necessidades”, disse Meena. Um avaliador independente descobriu que, se apenas 10% da população de Jacarta usassem o AtmaGo para gerar alertas precoces, o aplicativo poderia impedir 106 USD milhões em danos a propriedades e 4,6 USD milhões em custos com serviços de saúde. O uso da nuvem também ajudou a Atma Connect a lançar rapidamente um serviço de telessaúde para lidar com a crescente ansiedade e com o maior número de casos de violência doméstica.

Eliminação de silos de informações para promover a conservação

Silos organizacionais podem ser uma grande barreira para as organizações sem fins lucrativos. A The Nature Conservancy compartilhou como construir sistemas de sucesso na nuvem para superar essa barreira e ajudar você a cumprir sua missão. Focada em “conservar o solo e a água dos quais toda a vida depende”, a organização criou modelos de dados comuns, e os disponibilizou ao público, para auxiliar na priorização dos seus esforços usando a nuvem. Segundo Zach Ferdaña, diretor de informações geoespaciais da The Nature Conservancy, “os tipos de mapeamento que descrevem todos os nossos trabalhos de planejamento e ciência da conservação se resumem em três categorias: modelagem preditiva, priorização e monitoramento/avaliação”.

Zach compartilhou como a The Nature Conservancy fez sua migração para a nuvem corporativa, como isso está ajudando a maximizar o valor dos seus dados e de que maneiras os insights obtidos estão evoluindo sua forma de trabalhar no solo.

Abordagem de mudança de sistemas: como a transformação digital está impulsionando a inclusão financeira

A organização sem fins lucrativos Kiva está focada em melhorar o acesso financeiro para as pessoas em todas as partes do mundo, especialmente em comunidades carentes. Mais de um bilhão de pessoas não podem provar quem são, e essa falta de identidade é a principal barreira realizarem serviços financeiros, como abrir uma conta bancária ou obter um cartão de crédito. Segundo Matthew Davie, diretor de estratégias da Kiva, “a inclusão financeira é um problema sistêmico… o problema subjacente é que o sistema financeiro não foi construído para ser inclusivo.”

Embora a Kiva seja conhecida por seu site de microempréstimos, o kiva.org, que até agora já possibilitou 1,5 USD bilhões em empréstimos para um milhão de credores, Matthew compartilhou a história da sua oferta mais recente, o Kiva Protocol. O Kiva Protocol é uma plataforma de identificação digital de código aberto que permite verificações de identidade de baixo custo e comprováveis para todos. A solução foi implementada em Serra Leoa, por exemplo, o que quase não exigiu modificações em sua infraestrutura de identificação existente. Após a implementação, qualquer pessoa foi capaz de comparecer a qualquer instituição financeira do país e provar sua identidade com uma simples impressão digital.

Soluções de alta tecnologia em ambientes de baixa tecnologia

A organização sem fins lucrativos Viamo é uma empresa social que ajuda organizações na África e na Ásia a se conectarem com clientes remotos usando telefones celulares. “A Viamo começou com uma pergunta: como podemos ajudar as organizações sem fins lucrativos e os governos a usar tecnologias e telefones celulares básicos, que agora fazem parte do dia a dia de todas as pessoas, para criar novos ciclos de comentários em alta escala, promovendo melhores serviços de desenvolvimento?”, disse Mark Boots, cofundador e diretor de tecnologia da Viamo.

A Viamo percebeu logo no início que os telefones celulares poderiam ser usados para obter informações essenciais de populações remotas para ajudar os governos e outras organizações sem fins lucrativos a prestar melhores serviços, além de fornecer informações capazes de transformar as vidas dessas populações. Uma dessas soluções é o 3-2-1 Service, um serviço gratuito de informações sob demanda.

Uso da tecnologia para inovar e encontrar uma cura

Em um bate-papo bem informal, Dave Levy conversou com Michael Hund, diretor executivo da EB Research Partnership (EBRP), e Jill Vedder, fundador e vice-presidente. A conversa girou em torno de como eles estão trabalhando para tratar e curar a Epidermólise bolhosa (EB). Usando a tecnologia, eles estão inovando e ao mesmo tempo possibilitando um atendimento centrado no paciente. “E se pudéssemos desenvolver uma plataforma que tornasse a exploração da EB tão fácil quanto navegar no seu telefone? Exceto para nós, o destino que buscamos é a cura.” Apontando para a abordagem da Amazon de “trabalho de trás para frente”, eles discutiram as semelhanças entre a AWS e a EBRP quando se trata de começar com o resultado em mente: “acreditar de acordo com os resultados”. Também discutiram seu modelo de financiamento exclusivo, bem como seu foco em inspirar as organizações a compartilhar dados para acelerar as pesquisas.

Transformar a paixão em propósito: Black Girls CODE

Kimberly Bryant, fundadora e diretora executiva da Black Girls CODE, fundou sua organização sem fins lucrativos para ajudar garotas como sua filha, uma aspirante a gamer, a construir uma comunidade onde não havia uma. Kimberly compartilhou a história da fundação da Black Girls CODE há mais de uma década, seu crescimento, seu futuro e como abordar o pipeline de talentos das mulheres negras no campo da tecnologia. Acesse o site sob demanda e não perca a conversa de Kimberly Bryant com Werner Vogels, diretor de tecnologia da Amazon.

Este artigo foi feito por Blog AWS

Conheça mais sobre os serviços de Inteligência Artificial que a Data Rain oferece para sua empresa!

dataRain – Cloud Computing Amazon Web Services

Compartilhe

Whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar à listagem
Central de Vídeos

Veja também

CONHEÇA ALGUNS

Cases de sucesso

Redução de custos, eficiência, experiência.

Quer conhecer mais?

Nuvem AWS é com dataRain.
Entre em contato Ver todos os cases

Nossas credenciais

Close Bitnami banner
Bitnami